terça-feira, 2 de agosto de 2011

ATENÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DE DOM ELISEU

O Ministério da Educação disponibiliza programas e projetos


Visita a Caxias, premiação para
projetos de leitura,  dados do censo
escolar, adesão ao projeto de
alfabetização e planejamento de ações


FONTE: PORTAL DO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

Técnicos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) visitam escolas públicas de Caxias (MA), para aprimorar a gestão do programa Dinheiro Direto na Escola (PDDE). Eles vão verificar a execução do programa, esclarecer dúvidas e corrigir possíveis falhas.


As visitas ocorrem até a próxima quinta-feira, 4. Na sexta-feira, os técnicos vão capacitar os agentes envolvidos com o PDDE em Caxias, Aldeias Altas e São João do Sóter. O objetivo do curso é evitar erros na aplicação dos recursos, qualificar as ações e restringir a possibilidade de suspensão da transferência financeira. 

Prêmio Vivaleitura recebe inscrições 

Escolas públicas e privadas, bibliotecas e organizações da sociedade civil podem inscrever experiências de estímulo à leitura e concorrer ao prêmio Vivaleitura 2011. Conforme o regulamento do prêmio,  disponível no link no final desta matéria , podem participar nesta edição experiências que começaram em janeiro de 2009 e que serão concluídas até julho de 2011; ou projetos permanentes com indicadores de resultados. As inscrições vão até dia 10 deste mês

.Censo escolar: escolas devem enviar dados até dia 14 

Gestores de escolas públicas e privadas da educação básica têm prazo até 14 deste mês para enviar ao Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) os dados do censo escolar. É com base nas informações do censo que as escolas recebem recursos do governo federal para diversos programas, entre eles, a merenda escolar e os livros didáticos.

Aberto prazo para adesão ao programa Brasil Alfabetizado

Os estados, o Distrito Federal e os municípios têm prazo até 4 de setembro para aderir ao programa Brasil Alfabetizado e informar ao MEC as metas de alfabetização de jovens e adultos nas áreas urbanas e rurais. Além dos alunos a serem atendidos, as secretarias de educação devem informar o número de alfabetizadores, de tradutores-intérpretes da língua brasileira de sinais (libras) e de coordenadores de turmas.    

Estados e municípios devem planejar as ações para 4 anos

O Ministério da Educação abriu o módulo do Plano de Ações Articuladas (PAR) para o período 2011-2014. É nesse módulo que as secretarias estaduais, municipais e distrital de educação devem apresentar o diagnóstico das suas redes e fazer o planejamento para os próximos quatro anos. Recursos para projetos como a construção de escolas de educação infantil e de quadras de esportes cobertas, aquisição de ônibus para o transporte escolar, formação inicial e continuada de professores devem constar do PAR para receber recursos federais. 

Para mais detalhes e inscrições nos programas e projetos clique AQUI. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário