sexta-feira, 23 de novembro de 2012

# O FACEBOOK UMA ARMA VITAL #

Uma rede social que é a cara do ser humano 

A tecnologia da internet
encontrou a forma ideal para
potencializar se caráter libertário
com a introdução do Facebook

WALQUER CARNEIRO


Muitas pessoas torcem o nariz para a tecnologia, essas pessoas são chamadas conservadoras, e não veem a importância de equipamentos e ferramentas modernas. Eu confesso que também não sou lá assim tão modernista, pois entendo que tudo aquilo que é criado pelos seres humanos também tem seu lado negativo, todavia também procurar perceber o lado bom. 

Com o Facebook foi a mesma coisa, pois demorou um pouco para eu registrar a minha conta, e quando o fiz fiquei impressionado com a agilidade e a facilidade para manipular as ferramentas oferecida pelo sistema do Facebook, e muito mais bestificado ainda fiquei com a quantidade de inutilidade que aparecia nesta “rede social”, que para mim, a primeira vista, foi tida como uma zona, um verdadeiro cabaré que eu apelidei de “Zorra Social”, (ainda tem essas característica, mas não com a intensidade de cinco anos atrás) Um amigo meu, evangélico tradicional registrou uma conta, e uma dia chegou para mim e exclamou: “Encerrei minha conta no Facebook !! Isso é coisa do diabo !!!”. Espraguejou ele com razão, pois na realidade o Facebook é uma confusão sem limite e sem regras aonde o usuário se depara com as mais variadas e inusitadas ideias em textos, áudios e imagens, o próprio usuário é quem fiscaliza e denuncia aquilo que crê ser excesso. 

Diante do caos que encontrei eu resolvi então utilizar o Facebook de uma forma mais aproveitável, mais voltado para a conscientização do ser humano enquanto indivíduo, social, político e espiritual, mas tudo de forma bem humorada, e na medida do possível as minhas postagens vão nesta direção. Eu ainda estou calibrando a mão na forma de usar o Facebook, e já estou conseguindo me divertir nesta “Zorra Social”.

3 comentários: