sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

SUSPEITA NO PT PARAENSE

Liderança petista do Pará está sendo investigado pela PF

Claudio Puty é a esperança de renovação
de quadros dentro do sistema do
Partido dos Trabalhadores do Pará,
porém suspeito de fraude

WALQUER CARNEIRO

Me mata de vergonha a categoria dos políticos brasileiros, e me entristeço ainda mais quando vejo que políticos do Pará, estado que adotei como minha terra natal, não sentem a menor vergonha das práticas desonrosas que ferem os princípios morais que esses políticos deviam seguir para dar o exemplo ao povo.
Recentemente o ministério público do Pará denunciou o Senador Mario Couto (PSDB-PA) de fazer parte com mais 26 pessoas de um esquema de fraudes na assembléia legislativa paraense, e agora o Jornal Diário do Pará do dia 31 de janeiro publicou que mais um político paraense está na mira da justiça.

Desta vez quem está na alvo da suspeita é o Deputado Federal Claudio Puty (PT) que está sendo investigado pela polícia federal do Pará. Puty é da nova geração de políticos e dele se esperava uma atitude mais exemplar e comedida, ainda mais sendo do PT que é um partido que cresceu sob a bandeira de luta das categorias de trabalhadores explorados pela elite capitalista.
Puty, que foi chefe da casa civil no governo petista de  Ana Julia e secretário de Meio Ambiente (Sema) está sendo acusado de montar um esquema de cobrança de propina de madeireiros com a finalidade de facilitar a aprovação de projetos ambientais na Sema. Além disso há a suspeita de que Puty juntamente  com Celso Sabino, outro figurão do PT paraense, comandaram um esquema de cobranças de propinas de sonegadores da Secretaria de Estado da Fazenda.

Todas as acusações contra Puty estão no campo da suspeita, todavia onde há fumaça poderá existir fogo, e temos também que levar em consideração o fato de Puty ser um dos quadros mais expressivos do PT e uma liderança com alto poder de mobilização tanto na sociedade organizada como dentro do seu próprio partido, e  na atualidade vem  incomodando os grupos políticos tradicionais que temem perder espaços no panorama político estadual. Ainda mais que Puty está se preparando para disputar a prefeitura de Belém nesta eleição.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário