segunda-feira, 4 de março de 2013

PT PREPARA ELEIÇÃO INTERNA

Renovar o partido e mobilizar militantes 

O PT em Dom Eliseu está se 
preparando para a eleição que vai 
escolher novos membros 
para o diretório municipal 

WALQUER CARNEIRO

O Partido dos Trabalhadores em Dom Eliseu reuniu membros do diretório municipal para deliberar sobre as ações preparatórias para o PED – Processo de Eleições Diretas –, que a partir deste ano serão realizadas de acordo com novas regras. 

CALENDÁRIO DE REUNIÕES 

A reunião de trabalho aconteceu no dia 2 (sábado) no auditório do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Dom Eliseu e contou com a presença de dez pessoas que deliberaram uma pauta com cinco itens com ações a serem desenvolvidas nos próximos seis meses. A primeira providencia do presidente do PT em Dom Eliseu, Eduardo da Luz, foi apresentar o calendário de reuniões para o ano de 2013.


MOBILIZAR A MILITÂNCIA 

A primeira providência do PT em Dom Eliseu é reunir os filiados para informar sobre as novas regras às quais os membros do partido tem que se adequar para terem o direito a se candidatar a uma vaga no diretório e a votarem nos candidatos, e para isso ficou decidido que será realizado um encontro com lideranças petistas representantes de entidades e bairros de Dom Eliseu. 

O vereador Pedro Mesquita lembrou que o PT é um partido dinâmico, onde as pessoas são importantes. “A partir de agora vamos iniciar um movimento de valorização do filiado resgatando a sua credibilidade”, disse o vereador que propôs um grande movimento de cofraternização o mais rápido possível. 

ELEIÇÕES INTERNAS DO PT 

Ao presidente do diretório municipal do PT foi dada a missão de reestruturar o partido em Dom Eliseu que de acordo com as novas regras terá que ter a participação mais ativa dos filiados para garantir mais organicidade à legenda a nível municipal preparando o PT para o processo de eleições diretas do diretório. “Temos que nos empenhar nos próximos meses em levar a novas informações para os membros do partido para que todos estejam devidamente adequados para participarem do processo eleitoral interno do partido”, disse Eduardo levando em conta que se o partido não se adequar às novas regras o diretório municipal de Dom Eliseu pode regredir a uma comissão provisória, e como tal não terá muita autonomia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário